. Bolhas .

 Fragmentos de detergente, água e ar. Coisas tão simples mas que fazem TODA  a diferença. Pode ser num almoço de família, brincando com seus sobrinhos na varanda de casa. Ou até, o que pra mim não é estranho ver, pessoas que vendem o ” fazedor de bolhas”  na rua.

O mais engraçado é que independente de sua idade, ao ver uma dessas bolhas pairando sobre o ar, automaticamente você as estoura, e ri com o seu feito. Aquela sensação prazerosa de sentir gotículas de água molhando a ponta de seus dedos, e um sorriso após um dia inteiro de estresse … Um momento unicamente seu.

Particularmente, queria que todos tivesse a oportunidade, de pelo menos uma vez por semana pararem pra estourar significativas bolhas de sabão. Iria ser engraçado não? Já que existem competições pra isso, e um livro das bolhas mais gigantes já feitas, porque não um dia especial só pra estourar bolhas?

Uma oportunidade única de sorrir sem ter motivo algum. Um aventura de caça as bolhas… Sair correndo pela casa, gritar a quem estiver no caminho ” Essa bolha é minha! ” E Por fim, deitar num colchão, relembrando os mais diversos momentos de sopra e estoura do dia.

Os nossos problemas do cotidiano deviam ser levados por cada um de nós como bolhas, que ao vento são conduzidas pra bem longe. Até que uma hora, deixam de pairar sobre nossas cabeças e somem. Somem tão rápido que nem temos tempo de pensar se aquilo é importante ou não pra nós. E como a maioria ” a bem da verdade todos” dos problemas são ruins, devíamos tratá-los como bolhas. Se for um prejuízo, correr atrás dele, pra somente estourar uma das preocupações. Se fosse problemas familiares, usar de soltar bolhas – agora no sentido literal da palavra – ao redor de seus pais, filhos, irmãos. E ao soltá-las dizer a cada um o quanto os ama, e sente muito. Por mais que a culpa não seja sua, a reconciliação deve ser nossa prioridade. Quantas histórias de família desunidas por um simples presente de natal, ou uma morte. Devemos dar o basta, seguindo apenas o curso de um detergente com ar dentro.

Fazer nosso sorrir brotar mais fácil do que qualquer ruga. Transformar tudo e todos ao nosso redor em piratas que desejam o tesouro escondido dentro de nós mais do que tudo. Mostrar a melhor parte de você, primeiramente será vista como uma infantilidade, e algo sem nexo. Porém com o decorrer do tempo as suas companhias rirão ao emergir de uma nova bolha.

Brincar de imaginar, de correr, de descontrair.

SOLTAR BOLHAS DE SABÃO.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s